Pular para o conteúdo

Bolsonaro justifica privatização da Petrobras em programa de rádio.

27/10/2021

Sem isenções, Pré-Sal fica inviável com barril abaixo dos 100 dólares | VEJA

A empresa que já foi a 2ª maior do mundo e hoje está entre as 31 maiores petrolíferas, inovou ao desenvolver tecnologia para perfurar em águas profundas e além da camada do pré-sal. Bolsonaro, como integrante do esquema golpista de 2016, quer entregar de mão beijada todo esse patrimônio e essa tecnologia para as multinacionais.

Num cenário de alta do preço dos combustíveis, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou nesta quarta-feira (27) que a Petrobras só dá “dor de cabeça” e disse que a estatal está “prestando serviço para acionistas e ninguém mais”.

As declarações ocorreram durante entrevista à emissora Jovem Pan News.

“É uma estatal que com todo respeito só me dar dor de cabeça. Nós vamos partir para uma maneira de quebrarmos mais monopólio, quem sabe até botar no radar da privatização”, disse Bolsonaro, que sugeriu não ter como interferir na política de preços da empresa.

“É uma empresa que hoje em dia está prestando serviço para acionistas e ninguém mais. A chance de vocês perderem algo na Petrobras é zero. Só o governo federal está pegando R$ 11 bilhões, uma quantia equivalente a essa está indo a acionistas”.

Não é a primeira vez nos últimos dias que Bolsonaro retoma a pauta de uma possível privatização da Petrobras.

Durante entrevista a uma rápido em 25 de outubro, ele afirmou que a eventual privatização da petroleira seria uma “complicação enorme”.

“Quando se fala em privatizar a Petrobras, isso entrou no nosso radar. Mas privatizar qualquer empresa não é como alguns pensam, pegar a empresa, colocar na prateleira e amanhã quem dá mais leva embora. É uma complicação enorme, ainda mais quando se fala em combustível”, disse na ocasião.

“Se você tirar do monopólio do Estado e botar no monopólio de uma pessoa apenas, particular, fica a mesma coisa -ou talvez até pior”.

Cerca de 10 dias antes, ele declarou ter “vontade” de privatizar a empresa.

“Já tenho vontade de privatizar a Petrobras, tenho vontade. Vou ver com a equipe da economia o que a gente pode fazer”, disse na ocasião.

O pré-candidato Lula da Silva já prometeu que, caso eleito, desapropria a empresa e procede a reestatização, com o objetivo que a Petrobras promova a segurança, como ente estratégico da área de energia, e volte a servir ao desenvolvimento e ao bem-estar social.

Dilma Rousseff foi apeada do poder porque nunca permitiu alta indexada dos preços do petróleo ao mercado internacional.

O petróleo do pré-sal já foi avaliado em 80 bilhões de barris de petróleo, algo em torno de 7,2 trilhões de dólares ou R$ 40 trilhões de reais, ou ainda o PIB do Brasil, a soma de tudo aquilo que produz, em 10 anos.

Por cifras deste tamanho, as multinacionais e os governos de diversos países, espionam, mandam prender, cassar mandatos políticos e matar se preciso for.

Por isso, a frouxidão de covardes de renome como Jair Messias Bolsonaro diante do problema.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: