Pular para o conteúdo

Um nazista bastardo agora defende a pedofilia!

14/08/2022
VÍDEO: Monark diz que quem consome pornografia infantil não deveria ser preso
Podcaster Monark durante o episódio em que falou sobre o assunto
Foto: Reprodução/vídeo

Conteúdo do DCM

Após fazer apologia ao nazismo durante um episódio do “Flow Podcast”, o podcaster Monark voltou a dar declarações polêmicas. Dessa vez foi no “Monark Talks”, seu novo programa no Youtube.

Durante conversa sobre o caso do apresentador PC Siqueira, que já foi acusado de pedofilia, ao ser questionado se o consumo de pornografia infantil seria mesmo uma ação criminosa, Monark afirmou que consumidores desse tipo de conteúdo não deveriam ser presos.

“Eu acho que se ele [PC Siqueira] nunca fez algo fisico com uma criança, eu não acho que ele deveria ser considerado um criminoso pelo menos”, iniciou, fazendo referência ao caso do influenciador.

“Eu não sei se ele [pedófilo] é um criminoso. Eu acho que o crime está em você produzir e divulgar. Mas, que é uma parada que você vai falar: puta, esse cara não bate bem das bolas. Com certeza é, entendeu?”, relativizou.

“Mas criminoso eu não sei, não sei”, continuou o influenciador. “Um cara que é pedófilo, porque eu gostaria de prender ele? Se ele estivesse ameaçando outras crianças. Entendeu?”. “(…) É bem esquisito, eu não seria amigo dessa pessoa, mas eu não sei se ele deveria ser presa, entendeu? De verdade, assim. Porque o crime de verdade é você expor uma criança, entendeu? ou você abusar de uma criança, isso é um crime de verdade, na minha opinião. Ou não?”, completou.

No entanto, de acordo com o estatuto da Criança e do Adolescente, o ECA, no artigo 241-B, é crime “adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornografia envolvendo criança ou adolescente”. Além do “comércio de material pedófilo, “difusão de pedofilia”, do “simulacro de pedofilia” e do “aliciamento de crianças”.

O crime tem pena de até quatro anos de reclusão e o réu está sujeito a pagamento de multa.

Em outra fala polêmica, que resultou em sua saída do “Flow”, no dia 07 de fevereiro deste ano, Monark chegou a dizer que deveria haver um partido nazista reconhecido pela lei.

Na polêmica sobre o nazismo ele estava com os deputados Kim kataguiri (Podemos), que concordou com ele, e também Tábata Amaral (PSB), que questionou e refutou o argumento.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: