Pular para o conteúdo

A escritura de propriedade sobre trabalhadores foi extinta em 1888.

19/10/2022

Do Bahia Notícias

O empresário Adelar Eloi Lutz publicou nesta quarta-feira (19), um vídeo nas redes sociais, explicando que o áudio vazado, onde supostamente ele orienta que suas funcionárias colocassem o celular no sutiã para filmar o voto na urna eletrônica e prove que votou em Bolsonaro (lembre aqui), se tratava de uma brincadeira. O caso de suposto assédio eleitoral é apurado pelo Ministério Público do Trabalho (MPT).

No vídeo, o empresário explica: “mandei essa coisa [áudio] para várias pessoas, mas não sei como foi para em outros lugares. Jamais ia fazer isso [demitir alguém]”, afirmou.

Adelar também disse que alguns dos seus funcionários têm familiares que apoiam o candidato do partido oposto e mesmo assim continuam em sua empresa. “Eu tenho gente que está trabalhando aqui que a família toda é PT, eu botei para fora? Eu não, só disse que tem que analisar e tal, mas não por isso, não tem pressão nenhuma”, disse.

A Lei Áurea sobre o trabalho escravo foi promulgada no ano de 1.888. Mesmo hoje, a vergonha sobre esse tipo de trabalho permanece.

No Oeste baiano esse tipo de postura se replica de maneira infame. Esta semana, como forma de pressão sobre funcionários, divulgou-se que os mesários da Justiça Eleitoral estariam entregando a empresários interessados a relação de votantes, com o nome do eleitor e sua opção eleitoral.

A criação dessa boataria é mais uma tentativa de coagir os colaboradores de uma empresa. 

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: