Pular para o conteúdo

Empresário de Jair Renan, filho de Bolsonaro, é preso por tráfico de armas.

05/01/2023

O detido, com a ex-esposa e com o filho Jair.

Da Revista Forum e Brasil247.

Maciel Carvalho, que se apresentava como advogado e ex-pastor, teria usado documentos falsos para importar arsenal. Ele é “coach” e instrutor de tiros de Jair Renan e de Ana Cristina Valle, ex-esposa de Bolsonaro.

Empresário de Jair Renan Bolsonaro, filho 04 do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), o influenciador digital Maciel Carvalho, de 41 anos, foi preso na manhã desta quinta-feira (5) pela Polícia Civil do Distrito Federal em investigação contra o tráfico de armamentos.

Carvalho, que tem mais de 426 mil seguidores no Instagram em perfil voltado para divulgação do armamentismo, é o principal alvo da   Operação Falso Coach e deve ser indiciado por posse, porte e comércio ilegal de armas de fogo.

O empresário de Jair Renan foi preso em Águas Claras e é suspeito de usar documentos falsos para comprar um arsenal. Na casa do influencer foi encontrado um documento de Jair Renan e um telefone de propriedade desconhecida.

Maciel Carvalho fazia uso de CPFs falsos para ocultar antecedentes criminais e conseguir o registro de CAC.

Investigada pela Polícia Federal pela compra de uma mansão em Brasília com uso de um ‘laranja’, a advogada Ana Cristina Valle (PP-DF), segunda mulher do presidente Jair Bolsonaro (PL), deixou o Brasil, em outubro, sem previsão de retorno após perder a disputa por uma cadeira na Câmara Distrital do DF.

Carvalho acompanhou o filho de Bolsonaro em uma entrevista a Rodrigo Rangel, do portal Metrópoles, em julho do ano passado. Na ocasião, ele se apresentou como advogado, ex-pastor, além de empresário e instrutor de tiro de Jair Renan.

Da Redação:

impressiona a intimidade de filhos do Ex-Presidente com elementos do submundo. Parodiando os costumes romanos*, aos filhos de Jair não basta ser honestos. Precisam parecer honestos e se preservar de amizades complicadas. Acontece sempre o contrário.

Há pouco tempo, Jair Renan depôs na Polícia Federal sobre a utilização de um carro, que segundo denúncia teria sido dado a título de propina pela obtenção de uma audiência com o Ministro Rogério Marinho, do Desenvolvimento Regional. Jair teria ganho um carro elétrico avaliado em R$ 90 mil de um grupo empresarial que atua nos setores de mineração e construção e tem interesses junto ao governo federal. Jairzinho negou a posse do carro.

*A mulher de César não basta ser honesta, deve parecer honesta

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: