Pular para o conteúdo

Pesquisas na Bahia tem resultados diversos. Um fator preponderante é a indução de Lula aos candidatos petistas.

25/09/2022

Eleições 2022 - RealTime Big Data para governo da BA: ACM Neto tem 56%;  Jerônimo, 18%; Roma, 10% | CNN Brasil

Na Bahia, repete-se o adágio popular: de barriga de vaca, capim jaraguá e interior de urna nunca se sabe o que vai sair.

O candidato do União Brasil ao governo da Bahia, ACM Neto, lidera levantamento do Paraná Pesquisas divulgado neste domingo (25.set.2022). O ex-prefeito de Salvador (BA) tem 46,5% das intenções de voto.

ACM caiu 4,7 pontos percentuais em relação à pesquisa realizada na semana anterior, quando tinha 51,2%. Seu principal adversário, Jerônimo Rodrigues (PT), cresceu 6 p.p. –de 24,2% para 30,2%. A vantagem sobre o candidato petista caiu 10,7 pontos no período. Agora é de 16,3 p.p. Eis a íntegra do estudo (534 KB).

João Roma (PL), candidato apadrinhado pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), aparece em 3º lugar com 9,7% das intenções de voto –queda de 0,7 p.p. em 7 dias.

Tanto a consulta da Paraná Pesquisas e a da Atlas, patrocinada pelo jornal A Tarde, indicam resultados bem díspares com IPEC e DataFolha. A consulta do A Tarde chega a indicar Jerônimo do PT na frente de ACM Neto, enquanto que consultas não oficiais e trackings do próprio PT mostram Jerônimo com 37% e Neto com 44%. No entanto, segundo especialistas, não está descartada uma virada, dado o significativo empurrão de Lula e de Rui Costa, que mantém mais de 50% de aprovação de seu Governo.

A diversidade dos resultados fez acirrar a campanha. Todos os dois principais concorrentes acreditam que podem ganhar o primeiro turno, deixando a decisão do Governo da Bahia para mais 28 dias após o primeiro escrutínio.

Além de um viés dos partidários de ACM migrando para o voto em Lula para a Presidência, agora notam-se rumores entre alguns partidários de João Roma, dizendo que vão praticar o voto camarão com Lula na cabeça. A impressionante diferença de 62% a 18% pró Lula na Bahia em relação a Bolsonaro está influenciando candidatos de majoritárias e proporcionais. A profunda rejeição do atual Presidente, por parte dos baianos, freou de maneira significativa a candidatura de João Roma.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: